sábado, janeiro 14, 2012

Repensar o passado.

Hoje estive a rever muitas das asneiras que fiz no passado e uma delas, apenas compreendi agora realmente porque é que a cometi:

-Que estúpida fui.

- Não foi estupidez, a isso se chama apaixonar-se pelo amor.

- O quê?


- Ele foi alguém que conheceste muito mal. Estiveste mas é apaixonada pela euforia que ele provocava em ti.

- Aquela euforia era a única coisa que me importava?


- Ele foi a chave para abrires o teu coração. Ser viciada no amor não te arruinará a vida ou a saúde mas tiveste de aprender a distinguir entre o objecto amoroso, ele neste caso, e a excitação de ter o coração aberto. O que te quero dizer é, se és capaz de amar muito, também vais sofrer muito.

11 comentários:

PauloSilva disse...

E antes de amar outra pessoa devemos conseguir amar-nos sempre a nós em primeiro lugar! Mas o que escreveste aqui é verdade.. e que verdade.

disse...

mesmo.

Alice disse...

Sem dúvida que pode ser tudo isso! Muito obrigada <3

daniela fernandes disse...

É mesmo! não diria melhor! uau, adoro estas imagens *-*

Ana Soft R. I. disse...

Simplesmente adorei o texto... Todos cometemos erros por amar, mas nem todos o admitimos...

Susan disse...

gostei imenso do teu blog *

Susan disse...

Obrigada princesa *

Maria Dias disse...

que fofinha :) muito obrigada, e eu desabafo muito aqui coisas muito intimas e muito minhas, não tenho vergonha disso :)

sarah evelyn disse...

Achei esse um lindo texto*-*.Bjs!

S* disse...

Às vezes pode mesmo ser isso... gostamos da sensação de estar apaixonada.

lena disse...

esta amizade tem muito que se lhe diga, não somos muito chegadas, mas temos muitos altos e baixos e os baixos são muito feios. às vezes pergunto-me se ela gosta mesmo de mim :x
oooooh, mto obrigada, tmb sigo **
grande verdade este post meu amor.